José Peixoto+Filipa Pais-Dia da Tentação


Dia da tentação
(João Monge/José Peixoto)
Põe um pouco de afecto
Tira um palmo da saia
Põe um passo indiscreto
E um tomara-que-caia
Deixa a cobra morder, deixa os outros falar, deixa a dor se doer, deixa o galo acordar…
Vai pró o sol te comer, vai pró mar namorar, vai prá lua se der, mas não vás trabalhar!
Põe a rua virada
Da cor da tentação
Qualquer coisa encarnada
E espalha a confusão
Deixa a porta bater, deixa a tralha ficar, deixa pra quem vier, deixa o cão a ladrar…
Vai pró céu te engolir, vai prá rua brilhar, vai que tornas a vir, mas não vás trabalhar!
Porque o cisne cantou, cantou
E o sino fez dlim-dlão
Mas o dia chegou, chegou
Dia da Tentação
Vai pró mar namorar, vai prá lua se der, mas não vás trabalhar!

Vai pró mar namorar, vai prá lua se der, mas não vás trabalhar!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s