Apoios sociais pagam IRS!!!


No acordo entre o Governo e a troika está também contemplado que todos os apoios sociais vão ter de ser declarados para efeitos de IRS e sujeitos a imposto, como são os casos do subsídio de desemprego, abono de família, de maternidade e paternidade.

O Ministério do Trabalho, contudo, esclareceu que estas prestações sociais não vão ter de pagar IRS – apenas terão de ser obrigatoriamente declaradas anualmente. Mas no memorando da ‘troika’ está escrito que serão “aplicadas taxas de IRS a todo o tipo de transferências sociais”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s