Catarse

Toda a alma é imortal, porque aquilo que se move a si mesmo é imortal.


2 Comentários

IV Reich – polícia secreta

Autorizaram a ocupação de Portugal?

Fonte: PHI (Politische Hintergrundinformationen) de 26.2.2010, pág. 60.

Existe um EXÉRCITO SECRETO EUROPEU, que também pode ser chamado de FORÇA SECRETA POLICIAL DE INTERVENÇÃO PARA O ESMAGAMENTO DE REVOLTAS NA EUROPA.

Já se encontra dentro da União Europeia, porém apenas muito poucos sabem disso.

A força possui os mais amplos direitos, tem de momento 3.000 homens e responde pelo nome de “EURO GENDFOR (EUROPEAN GENDARMERIE FORCE)”, ou seja, TROPA DE POLÍCIA EUROPEIA. O seu comando encontra-se em Vicenza, na Itália, longe do Centro da UE.

Quem deu vida a este projecto foi a Ministra da Defesa Francesa, Alliot-Marie, com o objectivo de mais facilmente esmagar levantamentos populares, como os que têm surgido frequentemente em cidades francesas.

Esta força, já existente, pode agora ser empregue por toda a União Europeia, anulando os direitos nacionais e as soberanias dos Estados Membros!

O Tratado de Velsen (Holanda), decidiu de forma inequívoca, que vai ser um CONSELHO DE GUERRA, que vai decidir sobre a sua actuação. Este conselho compõe-se dos Ministérios de Defesa e de Segurança dos países membros da UE, inclusivamente do país onde vai ser aplicado.

Aos olhos dos observadores trata-se de uma clara manifestação de um DIREITO DE OCUPAÇÃO DA EUROPA. Porque, desde que tenha sido decidido por unidades da EURO GENDFOR a ocupação de edifícios e regiões, ficam estas debaixo da sua alçada, já não podendo sequer ser visitadas pelos organismos oficiais do país a que territorialmente pertencem. De facto, existe assim um DIREITO DE OCUPAÇÃO EUROPEU. Porém, a situação pode vir a piorar ainda mais.

A EURO GENDFOR não possui apenas os direitos policiais, mas também a competência sobre os serviços secretos, e, pode, em estreita colaboração com forças militares, restabelecer a lei e a ordem nas zonas consideradas convenientes. Em caso de necessidade, deve esta tropa possuir todos os direitos e acessos a todos os meios considerados necessários, para executar o respectivo mandato.

Graças à EURO GENDFOR encontram-se os governos europeus à vontade. Desta forma podem ordenar o abrir fogo contra as próprias populações em caso de demonstrações de massas, colocar regiões inteiras sobre quarentena militar e prender os principais cabecilhas, sem ter de chamar militares, ou polícias, da sua própria nação, visto existir o perigo destes se solidarizarem com os revoltosos.

A EURO GENDFOR, por sua vez, graças às suas excepcionais atribuições de direitos civis e militares, não pode ser responsabilizada por ninguém.

Este cenário, que parece incrível, tornou-se agora possível através da entrada em vigor do TRATADO DE LISBOA, que não é mais do que a Constituição da UE sob novo título.

http://www.grifo.com.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=292&Itemid=1

———//———

Esta noticia deixou-nos particularmente curiosos, tendo alguns dos emmbros ido investigar melhor e eis o que se descobriu acerca desta temática.

Esta força existe mesmo: http://www.eurogendfor.eu .

Reparem no que está escrito na pagina de introdução:

The European Gendarmerie Force (EGF) is an initiative of 5 EU Member States - France, Italy, The Netherlands, Portugal and Spain – aimed at improving the crisis management capability in sensitive areas. Since Wednesday, 17th December 2008, the High Level Interdepartmental Committee Meeting (CIMIN) decided to welcome the Romanian Gendarmerie to become a full member of the EGF. Therefore the EGF consists from that moment of 6 member states.“
Iniciativa de Portugal?! Porque nunca ouvimos falar disto antes?!

”EGF responds to the need to rapidly conduct all the spectrum of civil security actions, either on its own or in parallel with the military intervention, by providing a multinational and effective tool.
The EGF will facilitate the handling of crisis that require management by police forces, usually in a critical situation, also taking advantage from the experience already gained in the relevant peace-keeping missions.”

As suas funções são:

- responder à necessidade imediata de conduzir todo o espectro da acções de segurança civil.

Como?

- Sozinhos ou em cooperação cm as forças militares intervenientes.

Reparem que são uma força multinacional, o mail está correcto também nesse ponto.

Based in Vicenza in the “Generale Chinotto” barracks, the EGF HQ is now developing a comprehensive and coherent operational system, which will permit to be ready in case of prompt deployment to crisis areas.”

O quartel general (HQ) está em Vicenza,  Italia (confirma) e reforçam a prontidão das forças.

EGF goal is to provide the International Community with a valid and operational instrument for crisis management, first and foremost at disposal of EU, but also of other International Organizations, as NATO, UN and OSCE, and ad hoc coalitions.

Olhem só o objectivo:

Providenciar a Comunidade Internacional com um instrumento valido e operacional para a gestão de crises, à disposição total da EU, mas também para outras Organizações Internacionais, como a Nato, NU e a OSCE e suas coligações.

Mas ainda há mais!

Vejam quem é o Comandante da Força!

Colonel Jorge ESTEVES (Portuguese GNR)

É português?! E nunca passou nas noticias nacionais uma coisa destas?!

Segundo o site ele comanda desde 26/6/2009, cargo que deixará  em 2011.

É da GNR! Agora se percebe porque é que escolhem a GNR para ir para manutenção de paz (como Bósnia, Timor, Afeganistão, Iraque, etç.) em vez das tropas mais especializadas…. Estão a treina-los em situações reais.

O homem é de Abrantes, tem 52 anos e veio do Regimento de  Cavalaria, vejam o CV do personagem:

“As a high-ranking Officer he has been Territorial Group Commander, Head of the 3rd Territorial Brigade Operations and Information’s Office, Head of the 3rd Territorial Brigade Criminal Investigation Office, 3rd Territorial Brigade Chief of Staff and 3rd Territorial Brigade Deputy Commander (2000 – 2007). During 2006 he integrated the Working Group for the Reform of the Portuguese Internal Security System. From 2004 to 2007 he was Assistant Lecturer of Military Sociology at the Military Academy in Lisbon. From July 2007 till June 2009 he has been the European Gendarmerie Force Chief of Staff.

He attended several courses related with Crisis Management Operations among them the United Nations Police Commander Course, the Strategic Planning for European Union Police Mission Course, the European Security and Defence Policy Orientation Course, the NATO Staff Officer Force Planning Course and the NATO Partnership for Peace Staff Officer Course.”

Ora bem vamos lá analisar o que podem fazer!

A nível estratégico:

- Fazer policiamento em operações de gestão de crise, com base nas conclusões dos Conselhos de Santa Maria da Feira e de Nice:

http://www.ena.lu/conclusions_santa_maria_da_feira_european_council_1920_june_2000-02-27325%20target=
http://www.ena.lu/conclusions_nice_european_council_7_9_december_2000-02-17960

- Quem pode usar esta Força?

EU, NU, OSCE, NATO, outras e coligações.

- Quem ordena?

A Estrutura de Comando é a CIMIN (Comité InterMiistériel de haut Niveau) composta pelos representantes dos responsáveis pelos Ministérios de cada Pais, que assegura coordenação político-militar, nomeia o Comandante da Força e provisiona-lhe directivas e orientações para o emprego.

Qual a estrutura da Força?

E a nível táctico?

- A Força pode ser posta sob o comando quer tanto de autoridades militares como de civis, por forma a assegurar a segurança publica, ordem publica e o funcionamento pleno das tarefas judiciais. (Entrega de alimentos, cuidados médicos não interessa!)

- Não é uma força permanente (é só para repor a ordem… a ordem deles, é uma Força de Intervenção).

- A força é formada num máximo de 800 oficiais de policia, em menos de 30 dias. Para quem ainda não perceba como é que funciona, explicamos, existe um HQ permanente em Itália e quando necessitam formam uma força e essa é enviada para a crise, depois de fazer o que tem a fazer esta força é desmantelada.

Mas afinal o que é que eles tem a fazer?

– Missões gerais de segurança publica;
- Missões de manutenção da ordem publica- Combate ao crime;
- Investigação criminal (detecção, recolha, analise de informação);
- Processamento, protecção e assistência de indivíduos;
- Controlo de tráfego;
- Desactivação de explosivos;
- Combate ao terrorismo e crimes maiores e outros especializados;
- Armazenamento, gestão, recuperação e evacuação de equipamentos, transportes, e ajuda medica (não se deixem enganar por este último ponto, pois reparem que não existe distribuição nem de propriamente a ajuda, apenas a organizam);
- Monitorizar e aconselhar a policia  local no seu trabalho do dia-a-dia;
- Vigilância do publico;
- Policiamento das fronteiras;
- Serviços secretos;
- Protecção de pessoas e propriedades (esta até é cómica! Vamos ver quem são essas pessoas e propriedades…);
- Treino de oficiais de policia e de instrutores.

Por fim vamos aos símbolos, este é o logótipo da força em questão:

- O mote “Lex Paciferat” (A Lei trará a Paz);
- A espada como cruz invertida;
- O louro maçónico;
- A granada a rebentar (parece uma planta, mas é uma granada e as chamas a sair dela) – Pacifistas vê-se…

Sendo tudo isto tão interessante porque não passou nos média nacionais e europeus?

Retirado de Portugal Esotérico.org


4 Comentários

FIRST CHINA, HAITI AND NOW CHILE HAARP AND EARTHQUAKE


1 Comentário

A Falsa Pandemia: empresas farmacêuticas lucraram com o pânico da gripe suína, afirma o chefe da Agência de Saúde Europeia

O surto de gripe suína era uma “falsa pandemia” movida por empresas de medicamentos que fizeram bilhões de libras através do pânico em todo o mundo, alegou um importante especialista europeu em saúde.

Wolfgang Wodarg, chefe de saúde do Conselho da Europa, acusou os fabricantes de medicamentos e vacinas da gripe de influenciar a decisão da Organização Mundial de Saúde de declarar uma pandemia.

Isto levou a que as empresas farmacêuticas assegurassem “enormes lucros”, enquanto os países, incluindo o Reino Unido, “desperdiçaram” seus parcos orçamentos da saúde com milhões que estão sendo vacinados contra uma doença relativamente branda.

A resolução proposta pelo Dr. Wodarg pedindo uma investigação sobre o papel das empresas de droga foi aprovada pelo Conselho da Europa, o “senado” baseado em Estrasburgo que é responsável pelo Tribunal Europeu dos Direitos Humanos.

Um debate de urgência sobre a questão será realizado ainda este mês.
As afirmações do Dr. Wodarg emergem no mesmo momento em que o governo britânico está tentando desesperadamente se livrar de 1 bilhão de libras em vacina da gripe suína, encomendadas na época do pânico.

O Departamento de Saúde britânico alertou que poderia haver até 65.000 mortes por causa da gripe suína, criou uma linha telefónica e site especial para aconselhamento, suspendeu as regras normais para drogas anti-gripe para que pudessem ser dadas sem receita médica e aconselhou às autoridades locais para se prepararem para uma pandemia grave.

Planeadores foram orientados a prepararem os necrotérios para uma grande número de mortes e houve alertas de que o Exército poderia ser chamado para evitar tumultos enquanto a população lutasse para obter drogas.

Mas com menos de 5.000 pessoas na Inglaterra contraindo a doença até a semana passada e apenas 251 mortes no total, Dr. Wodarg definiu o surto do H1N1 como “um dos maiores escândalos médicos do século”.

Ele afirmou: “O que tivemos foi uma gripe leve – e uma falsa pandemia.”

Ele acrescentou que as sementes do pânico foram semeadas cinco anos atrás, quando se temia que o vírus mais letal da gripe aviária poderia se transformar em uma forma humana.

O “clima de pânico” levou os governos a estocar o remédio anti-gripe Tamiflu e criando “contratos adormecido” para milhões de doses de vacina.
Dr Wodarg afirmou: “Os governos fecharam contratos com produtores de vacinas onde assegurariam as encomendas com antecedência e tomariam para si quase toda a responsabilidade.
“Desta forma, os produtores de vacinas teriam a certeza de enormes lucros sem qualquer risco financeiro.
‘Então, eles só esperariam até que a OMS declarasse a “pandemia” e activassem os contratos. ”
Ele também afirma que para continuar a avançar os seus interesses, as principais fabricantes de medicamentos colocaram ’seu pessoal’ nas “engrenagens” da OMS e outras organizações influentes.

Ele acrescentou que sua influência poderia ter conduzido a OMS a suavizar a sua definição de pandemia – levando à declaração de um surto mundial em Junho passado.

Dr Wodarg disse: “A fim de promover os seus medicamentos patenteados e de vacinas contra a gripe, as empresas farmacêuticas influenciaram os cientistas e os órgãos oficiais, responsáveis pelas normas de saúde pública, para alardear os governos pelo mundo inteiro.

“Eles nos fizeram esbanjar parcos recursos de saúde para estratégias de vacina ineficientes e que milhões de pessoas saudáveis fossem expostas desnecessariamente ao risco dos efeitos colaterais desconhecidos de vacinas insuficientemente testadas.

Ele não dá os nomes de ingleses com os conflitos de interesse.

Mas no ano passado, o Daily Mail revelou que Sir Roy Anderson, um cientista que aconselha o Governo sobre a gripe suína, também possui um salário de 116.000 libras por ano no conselho da GlaxoSmithKline (GSK).
A GSK produz drogas e vacinas anti-gripe e deve ser uma das maiores beneficiárias da pandemia.O Departamento de Saúde britânico afirmou que embora a doença pareça estar em declínio, não descarta uma terceira onda, e insiste que todos as pessoas que podem receber a vacina que o façam.

P professor David Salisbury, chefe de imunização do governo britânico, disse que não havia “nenhuma razão” para as alegações do Dr Wodarg, dizendo que as pessoas com conflitos de interesse foram mantidos fora do processo decisório.

Um porta-voz da GSK declarou: “Alegações de influência indevida são equivocadas e infundadas. A OMS declarou que o vírus H1N1 preenchiam os critérios para uma pandemia. Como a OMS afirmou, regulamentos legais e inúmeras salvaguardas existem para evitar eventuais conflitos de interesse. ”

A empresa, que ainda emprega Sir Roy, disse que ele tinha declarado os seus interesses comerciais e não tinha qualquer participação em reuniões relacionadas com a compra de drogas ou vacina para o Governo ou GSK.

Fontes:

Daily Mail: The ‘false’ pandemic: Drug firms cashed in on scare over swine flu, claims Euro health chief

In    Fim dos tempos


3 Comentários

Policy Peril: Straight Talk About Global Warming

more about “Policy Peril: Straight Talk About Glo…“, posted with vodpod


Deixe o seu comentário

Jesse Ventura ex-Governador do Minnesota desmonta a farsa do Aquecimento Global – ‘Conspiracy Theory’

Posted on Dezembro 18, 2009 by ovigia

Jesse Ventura ex-Governador do Minnesota tem agora uma série de reportagens de investigação que visam tentar esclarecer ou fazer alguma luz sobre alguns assuntos designados por aqueles que os querem desacreditar como Teorias da Conspiração.

Este ex-Navy SEAL, ex-lutador de Wrestling e ex-político resolveu abordar numa nova série de televisão em formato tipo reportagens de investigação, diversos temas nossos conhecidos, tendo já ido para o ar três episódios desta série que se designa por CONSPIRACY THEORY WITH JESSE VENTURA e é uma produção da trutv.com.

Entre os temas abordados nos seus três primeiros episódios encontram-se o projecto militar HAARP capaz de alterar a atmosfera e o clima bem como o pensamento de todos nós e até provocar tremores e terra entre outros, no segundo episódio tratou do tema dos atentados do 11Set2001 e no episódio de ontem o terceiro, foi sobre o AGW, Aquecimento Global supostamente de origem antropogénica, sobre o qual Alex Jones tem um interessante artigo no seu site.

Para darem olhada aos seguintes episódios vão até ao site do projecto, caso queiram fazer o seu download através de torrents, aqui estão eles, para darem uma olhada primeiro vão até ao youtube.


Deixe o seu comentário

Espiando os cidadãos, novas tecnologias via DARPA

Espiando os cidadãos, novas tecnologias via DARPA

Posted on Março 15, 2009 by ovigia

O Pentágono acaba de anunciar que se prepara através da DARPA, para lançar uma esquadra de cerca de 450 dirigíveis «ISIS» capazes de voar a 65000 pés de altitude «19812 metros» durante 10 anos e alimentados por células de hidrogénio e painéis solares.
Serão gastos 400Milhões de dólares apenas no protótipo.

A ideia não é nova, mas parece que será desta vez ainda mais abrangente e poderosa.
As deculpas para a sua implementação também não deverão ser novas, terrorismo, ataques exteriores com misseis, etc etc.
Quando se quer enganar o povo, as desculpas arranjam-se, e que as vende já está à muito controlado e no bolso, os media mainstream acríticos.

Estes equipamentos permitirão aos seus operadores em estações no terreno, o controlo e monitorização de várias centenas de kms de diâmetro através de equipamentos de vigilância, tais como câmaras de alta resolução bem como antenas de radar.

Podendo através dessa vigilância monitorizar e controlar, veículos, aviões e pessoas.

Já não chegando todos os ataques às Liberdades, Direitos e Garantias dos cidadãos dos EUA, com o constante ataque e destruição da sua constituição, como são provas o fim do Habeas Corpus, Posse Comitatus, a implementação do Patriot Act e da FISA, do projecto REX 84 que permite a espionagem/vigilância de todas as comunicações internas e externas sem necessidade de recorrer a um Juíz, chega agora mais uma arma para as mãos da cleptocracia oligarca dos EUA.

Não deve tardar a chegar à UE, especialmente através do Reino Unido.

Afinal de contas A Oligarquia está a ficar com medo – A Lei Marcial está a chegar

DARPA courted defense contractors Raytheon, Lockheed Martin and Northrop Grumman to develop the airships

Infowars.com
sept 6, 2004

The skies were filled with surveillance helicopters as well as the Fuji Blimp, that was being rented by the NYPD. We could always tell where the protests and arrests were taking place because as many as 4 helicopters and a blimp would be circling overhead.

A look at the future. Homeland Security plans to tether megablimps 32xs the size of the goodyear blimp over every major US city mounted with ground-penetrating radar looking right through your walls. This is only conditioning.

(Photo by Ted O’Brien)

[Via mediamonarchy, LA Times, Guardian, Infowars]

Powered by ScribeFire. in O Vigia


14 Comentários

“Não existe aquecimento global”, diz representante da OMM na América do Sul



Por Carlos Madeiro
Especial para o UOL Ciência e Saúde

Com 40 anos de experiência em estudos do clima no planeta, o meteorologista da Universidade Federal de Alagoas Luiz Carlos Molion apresenta ao mundo o discurso inverso ao apresentado pela maioria dos climatologistas. Representante dos países da América do Sul na Comissão de Climatologia da Organização Meteorológica Mundial (OMM), Molion assegura que o homem e suas emissões na atmosfera são incapazes de causar um aquecimento global. Ele também diz que há manipulação dos dados da temperatura terrestre e garante: a Terra vai esfriar nos próximos 22 anos.

Em entrevista ao UOL, Molion foi irônico ao ser questionado sobre uma possível ida a Copenhague: “perder meu tempo?” Segundo ele, somente o Brasil, dentre os países emergentes, dá importância à conferência da ONU. O metereologista defende que a discussão deixou de ser científica para se tornar política e econômica, e que as potências mundiais estariam preocupadas em frear a evolução dos países em desenvolvimento.

UOL: Enquanto todos os países discutem formas de reduzir a emissão de gases na atmosfera para conter o aquecimento global, o senhor afirma que a Terra está esfriando. Por quê?

Luiz Carlos Molion: Essas variações não são cíclicas, mas são repetitivas. O certo é que quem comanda o clima global não é o CO2. Pelo contrário! Ele é uma resposta. Isso já foi mostrado por vários experimentos. Se não é o CO2, o que controla o clima? O sol, que é a fonte principal de energia para todo sistema climático. E há um período de 90 anos, aproximadamente, em que ele passa de atividade máxima para mínima. Registros de atividade solar, da época de Galileu, mostram que, por exemplo, o sol esteve em baixa atividade em 1820, no final do século 19 e no inicio do século 20. Agora o sol deve repetir esse pico, passando os próximos 22, 24 anos, com baixa atividade.

UOL: Isso vai diminuir a temperatura da Terra?

Molion: Vai diminuir a radiação que chega e isso vai contribuir para diminuir a temperatura global. Mas tem outro fator interno que vai reduzir o clima global: os oceanos e a grande quantidade de calor armazenada neles. Hoje em dia, existem boias que têm a capacidade de mergulhar até 2.000 metros de profundidade e se deslocar com as correntes. Elas vão registrando temperatura, salinidade, e fazem uma amostragem. Essas boias indicam que os oceanos estão perdendo calor. Como eles constituem 71% da superfície terrestre, claro que têm um papel importante no clima da Terra. O [oceano] Pacífico representa 35% da superfície, e ele tem dado mostras de que está se resfriando desde 1999, 2000. Da última vez que ele ficou frio na região tropical foi entre 1947 e 1976. Portanto, permaneceu 30 anos resfriado.

UOL: Esse resfriamento vai se repetir, então, nos próximos anos?

Molion: Naquela época houve redução de temperatura, e houve a coincidência da segunda Guerra Mundial, quando a globalização começou pra valer. Para produzir, os países tinham que consumir mais petróleo e carvão, e as emissões de carbono se intensificaram. Mas durante 30 anos houve resfriamento e se falava até em uma nova era glacial. Depois, por coincidência, na metade de 1976 o oceano ficou quente e houve um aquecimento da temperatura global. Surgiram então umas pessoas – algumas das que falavam da nova era glacial – que disseram que estava ocorrendo um aquecimento e que o homem era responsável por isso.

UOL: O senhor diz que o Pacífico esfriou, mas as temperaturas médias Terra estão maiores, segundo a maioria dos estudos apresentados.

Molion: Depende de como se mede.

UOL: Mede-se errado hoje?

Molion: Não é um problema de medir, em si, mas as estações estão sendo utilizadas, infelizmente, com um viés de que há aquecimento.

UOL: O senhor está afirmando que há direcionamento?

Molion: Há. Há umas seis semanas, hackers entraram nos computadores da East Anglia, na Inglaterra, que é um braço direto do IPCC [Painel Intergovernamental sobre Mudança Climática], e eles baixaram mais de mil e-mails. Alguns deles são comprometedores. Manipularam uma série para que, ao invés de mostrar um resfriamento, mostrassem um aquecimento.

UOL: Então o senhor garante existir uma manipulação?

Molion: Se você não quiser usar um termo tão forte, digamos que eles são ajustados para mostrar um aquecimento, que não é verdadeiro.

UOL: Se há tantos dados técnicos, por que essa discussão de aquecimento global? Os governos têm conhecimento disso ou eles também são enganados?

Molion: Essa é a grande dúvida. Na verdade, o aquecimento não é mais um assunto científico, embora alguns cientistas se engajem nisso. Ele passou a ser uma plataforma política e econômica. Da maneira como vejo, reduzir as emissões é reduzir a geração da energia elétrica, que é a base do desenvolvimento em qualquer lugar do mundo. Como existem países que têm a sua matriz calcada nos combustíveis fósseis, não há como diminuir a geração de energia elétrica sem reduzir a produção.

UOL: Isso traria um reflexo maior aos países ricos ou pobres?

Molion: O efeito maior seria aos países em desenvolvimento, certamente. Os desenvolvidos já têm uma estabilidade e podem reduzir marginalmente, por exemplo, melhorando o consumo dos aparelhos elétricos. Mas o aumento populacional vai exigir maior consumo. Se minha visão estiver correta, os paises fora dos trópicos vão sofrer um resfriamento global. E vão ter que consumir mais energia para não morrer de frio. E isso atinge todos os países desenvolvidos.

UOL: O senhor, então, contesta qualquer influência do homem na mudança de temperatura da Terra?

Molion: Os fluxos naturais dos oceanos, polos, vulcões e vegetação somam 200 bilhões de emissões por ano. A incerteza que temos desse número é de 40 bilhões para cima ou para baixo. O homem coloca apenas 6 bilhões, portanto a emissões humanas representam 3%. Se nessa conferência conseguirem reduzir a emissão pela metade, o que são 3 bilhões de toneladas em meio a 200 bilhões?Não vai mudar absolutamente nada no clima.

UOL: O senhor defende, então, que o Brasil não deveria assinar esse novo protocolo?

Molion: Dos quatro do bloco do BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China), o Brasil é o único que aceita as coisas, que “abana o rabo” para essas questões. A Rússia não está nem aí, a China vai assinar por aparência. No Brasil, a maior parte das nossas emissões vem da queimadas, que significa a destruição das florestas. Tomara que nessa conferência saia alguma coisa boa para reduzir a destruição das florestas.

UOL: Mas a redução de emissões não traria nenhum benefício à humanidade?

Molion: A mídia coloca o CO2 como vilão, como um poluente, e não é. Ele é o gás da vida. Está provado que quando você dobra o CO2, a produção das plantas aumenta. Eu concordo que combustíveis fósseis sejam poluentes. Mas não por conta do CO2, e sim por causa dos outros constituintes, como o enxofre, por exemplo. Quando liberado, ele se combina com a umidade do ar e se transforma em gotícula de ácido sulfúrico e as pessoas inalam isso. Aí vêm os problemas pulmonares.

UOL: Se não há mecanismos capazes de medir a temperatura média da Terra, como o senhor prova que a temperatura está baixando?

Molion: A gente vê o resfriamento com invernos mais frios, geadas mais fortes, tardias e antecipadas. Veja o que aconteceu este ano no Canadá. Eles plantaram em abril, como sempre, e em 10 de junho houve uma geada severa que matou tudo e eles tiveram que replantar. Mas era fim da primavera, inicio de verão, e deveria ser quente. O Brasil sofre a mesma coisa. Em 1947, última vez que passamos por uma situação dessas, a frequência de geadas foi tão grande que acabou com a plantação de café no Paraná.

UOL: E quanto ao derretimento das geleiras?

Molion: Essa afirmação é fantasiosa. Na realidade, o que derrete é o gelo flutuante. E ele não aumenta o nível do mar.

UOL: Mas o mar não está avançando?

Molion: Não está. Há uma foto feita por desbravadores da Austrália em 1841 de uma marca onde estava o nível do mar, e hoje ela está no mesmo nível. Existem os lugares onde o mar avança e outros onde ele retrocede, mas não tem relação com a temperatura global.

UOL: O senhor viu algum avanço com o Protoclo de Kyoto?

Molion: Nenhum. Entre 2002 e 2008, se propunham a reduzir em 5,2% as emissões e até agora as emissões continuam aumentando. Na Europa não houve redução nenhuma. Virou discursos de políticos que querem ser amigos do ambiente e ao mesmo tempo fazer crer que países subdesenvolvidos ou emergentes vão contribuir com um aquecimento. Considero como uma atitude neocolonialista.

UOL: O que a convenção de Copenhague poderia discutir de útil para o meio ambiente?

Molion: Certamente não seriam as emissões. Carbono não controla o clima. O que poderia ser discutido seria: melhorar as condições de prever os eventos, como grandes tempestades, furacões, secas; e buscar produzir adaptações do ser humano a isso, como produções de plantas que se adaptassem ao sertão nordestino, como menor necessidade de água. E com isso, reduzir as desigualdades sociais do mundo.

UOL: O senhor se sente uma voz solitária nesse discurso contra o aquecimento global?

Molion: Aqui no Brasil há algumas, e é crescente o número de pessoas contra o aquecimento global. O que posso dizer é que sou pioneiro. Um problema é que quem não é a favor do aquecimento global sofre retaliações, têm seus projetos reprovados e seus artigos não são aceitos para publicação. E eles [governos] estão prejudicando a Nação, a sociedade, e não a minha pessoa.

fonte: UOl


1 Comentário

Quem financia a Greenpeace?

Greenpeace financiado pela elite mafiosa eugenista corporativa

Créditos de: A Tribuna

Pesquisando algo mais sobre a conspiração climática, o ”Climategate” encontrei essa interessante informação que o mínimo nos faz pensar sobre o que é realmente nobre e o que é obscuro em nossa ilusória realidade ditada pelas mídias corporativas mundiais. A lista abaixo contém os nomes dos patrocinadores do movimento ambiental Greenpeace.
A presença de doadores como a familia Rockefeller entre os nomes da lista nos faz pensar o que realmente tem de sério e correto nessa ONG.

Segue abaixo a lista:

Funding From Foundations. Corporations Total Donated

Turner Foundation $1,390,000 [1996 – 2001]
Rockefeller Brothers Fund $1,080,000 [1997 – 2005]
John D. & Catherine T. MacArthur Foundation $841,365 [1997 – 2002]
V. Kann Rasmussen Foundation $456,000 [2002 – 2003]
David & Lucile Packard Foundation $450,000 [2000 – 2000]
Blue Moon Fund $370,000 [1998 – 2002]
Trust for Mutual Understanding $316,000 [1995 – 2004]
Marisla Foundation $250,000 [2001 – 2004]
Charles Stewart Mott Foundation $249,000 [1999 – 2002]
Wallace Global Fund $245,000 [1999 – 2002]
Wilburforce Foundation $226,900 [2000 – 2005]
Scherman Foundation $200,000 [2001 – 2005]
Lannan Foundation $200,000 [1995 – 1996]
Joyce Foundation $200,000 [1993 – 1997]
Nathan Cummings Foundation $152,000 [1990 – 2003]
Columbia Foundation $150,000 [2000 – 2001]
Rex Foundation $116,796 [1984 – 1995]
Firedoll Foundation $115,000 [2000 – 2005]
Panaphil Foundation $115,000 [1998 – 2005]
Rockefeller Family Fund $115,000 [2002 – 2005]
Winslow Foundation $115,000 [2000 – 2006]
Ploughshares Foundation $104,000 [1998 – 2005]
Brainerd Foundation $100,000 [2000 – 2001]
Harold K. Hochschild Foundation $100,000 [1995 – 2001]
Westwind Foundation $87,250 [2001 – 2003]
Capital Group Companies Charitable Foundation $86,000 [1999 – 2006]
John Merck Fund $80,000 [2000 – 2002]
Catharine Hawkins Foundation $77,000 [2000 – 2006]
Holborn Foundation $75,000 [1999 – 2006]
Public Welfare Foundation $75,000 [1994 – 1994]
Clarence E. Heller Charitable Foundation $75,000 [2000 – 2000]
Compton Foundation $72,500 [2000 – 2004]
Pond Foundation $72,000 [2000 – 2002]
Prentice Foundation $69,500 [2000 – 2005]
CGMK Foundation $65,000 [2001 – 2006]
Lynn R. & Karl E. Prickett Fund $64,832 [1999 – 2004]
L.C. & Margaret Walker Foundation $63,846 [2001 – 2004]
Brownington Foundation $62,000 [1999 – 2004]
Beldon Fund $60,000 [1995 – 2000]
Makray Family Foundation $59,000 [2000 – 2006]
New York Community Trust $55,950 [1997 – 2001]
Ruth Covo Family Foundation $53,000 [1998 – 2005]
Mertz Gilmore Foundation $50,000 [1998 – 1998]
Nightingale Code Foundation $44,832 [2000 – 2000]
Monterey Fund $41,400 [1998 – 2005]
Bauman Family Foundation $40,000 [2003 – 2003]
David L. Klein, Jr. Foundation $40,000 [1999 – 2000]
Butler Family Fund $40,000 [2006 – 2006]
Adam Richter Charitable Trust $36,000 [1998 – 2004]
Benjamin J. Rosenthal Foundation $35,000 [1998 – 2004]
Fidelity Charitable Gift Fund $35,000 [2004 – 2004]
Messengers of Healing Winds Foundation $32,500 [1998 – 2004]
California Community Foundation $31,690 [2000 – 2005]
Max & Anna Levinson Foundation $31,000 [2000 – 2006]

A lista pode ser encontrada nesse link: http://www.alerta.inf.br/Geral/1486.html

In Fim dos Tempos


Deixe o seu comentário

A Queda da República (Fall of the Rep*blic) 9-15


Deixe o seu comentário

Frases subliminares – Aquecimento global

Das suas próprias palavras: o aquecimento global é uma fraude

“Nós precisamos de algum apoio com  ampla base, para capturar a imaginação do público … Então, temos que oferecer cenários assustadores, simplificando, declarações dramáticas e fazer pouca menção de quaisquer dúvidas … Cada um de nós tem de decidir o equilíbrio entre ser efetivo e ser honesto. ”  Stephen Schneider, professor de Climatologia de Stanford, autor de vários relatórios do IPCC

“A menos que anunciemos catástrofes ninguém nos vai ouvir.” – Sir John Houghton , first chairman of IPCC – Sir John Houghton, primeiro presidente do IPCC

“Não importa o que é verdadeiro, só importa o que as pessoas acreditam que é verdade.” – Paul Watson , co-founder of Greenpeace – Paul Watson, co-fundador do Greenpeace

” “Temos de resolver este problema do aquecimento global. Mesmo se a teoria do aquecimento global é errada, nós estaremos fazendo a coisa certa em termos de política económica e ambiental”. – Timothy Wirth , President of the UN Foundation – Timothy Wirth, presidente da Fundação das Nações Unidas

“Não importa se a ciência do aquecimento global é tudo falso …as  alterações climáticas  fornecem a maior oportunidade para trazer justiça e igualdade no mundo.” – Christine Stewart , fmr Canadian Minister of the Environment – Christine Stewart, FMR-ministro canadense do Meio Ambiente

“A única maneira de obter da nossa sociedade uma verdadeirada mudança é assustar as pessoas com a possibilidade de  catástrofes”. – emeritus professor Daniel Botkin – Professor Daniel Botkin

“Precisamos de um princípio organizador central – un sistema acordado de manera voluntaria. Pequenas mudanças na política, a melhora moderada em leis e regulamentos, a retórica oferecida em lugar da verdadeira mudança – essas são todas as formas de apaziguamento, concebido para satisfazer o desejo do público a acreditar np sacrifício , na luta e uma violenta transformação da sociedade, não será necessário. ” – Al Gore , Earth in the Balance – Al Gore, Earth in the Balance

“Não é a única esperança para o planeta que o colapso civilizações industrializados? Não é nossa responsiblity trazer isso?” – Maurice Strong , founder of the UN Environment Programme – Maurice Strong, fundador do Programa Ambiental da ONU

“Uma grande campanha deve ser lançada para de-desenvolvimento nos Estados Unidos. De-desenvolvimento significa trazer nosso sistema econômico em consonância com as realidades da ecologia e da situação do recurso mundo”. – Paul Ehrlich , Professor of Population Studies – Paul Ehrlich, professor de Estudos Populacionais

“A única esperança para o mundo é para se certificar de que não há outro Estados Unidos. Não podemos deixar que outros países tenham o mesmo número de carros, a quantidade de industrialização, temos em os E.U.. Temos de parar os países do Terceiro Mundo de modo a que não se desenvolvam. ” – Michael Oppenheimer , Environmental Defense Fund – Michael Oppenheimer, Environmental Defense Fund

“Sustentabilidade Global exige a busca deliberada de pobreza, consumo reduzido de recursos e definir níveis de controle da mortalidade”. – Professor Maurice King – Professor Maurice King

“Estilos de vida e padrões atuais de consumo da influente classe média  – envolvendo o enorme consumo de carne , o uso de combustíveis fósseis, aparelhos de ar condicionado e habitação suburbana – não são sustentáveis”. – Maurice Strong , Rio Earth Summit – Maurice Strong, Rio Cúpula da Terra

“A tecnologia complexa de qualquer espécie é um ataque à dignidade humana. Seria pouco menos que desastroso para descobrirmos uma fonte de energia limpa, barata e abundante, por causa do que poderíamos fazer com ela.” – Amory Lovins , Rocky Mountain Institute – Amory Lovins, Rocky Mountain Institute

“A perspectiva da energia de fusão barata é a pior coisa que poderia acontecer ao planeta”. – Jeremy Rifkin , Greenhouse Crisis Foundation – Jeremy Rifkin, Greenhouse Crisis Foundation

“Dar à sociedade , abundante energia seria o equivalente a dar uma criança idiota uma metralhadora.” – Prof Paul Ehrlich , Stanford University – Prof Paul Ehrlich, da Universidade de Stanford

“A grande ameaça para o planeta são as pessoas: há muitos, fazendo muito bem economicamente e queimando óleo demais”. – Sir James Lovelock , BBC Interview – Sir James Lovelock, BBC Interview

“Meus três objetivos principais seria a de reduzir a população humana para cerca de 100 milhões em todo o mundo, destruir a infra-estrutura industrial e ver o deserto, com o seu complemento total de espécies, retormado em todo o mundo.” – Dave Foreman , co-founder of Earth First! – Dave Foreman, co-fundador do Earth First!

“A população total de 250-300 milhões de pessoas, um declínio de 95% em relação aos níveis atuais, seria o ideal.” – Ted Turner , founder of CNN and major UN donor – Ted Turner, fundador da CNN e da ONU principais doadores

“… A população ideal resultante sustentável é, portanto, mais de 500 milhões, mas inferior a um bilhão.” – Club of Rome , Goals for Mankind – Clube de Roma, Goals for Mankind

“Se eu reencarnasse gostaria de ser devolvido à terra como um vírus mortal para baixar os níveis de população humana.” – Prince Philip , Duke of Edinburgh, patron of the World Wildlife Fund – Prince Philip, duque de Edimburgo, patrono do World Wildlife Fund

“Eu suspeito que a erradicação da varíola estava errado. Desempenhou um papel importante no equilíbrio dos ecossistemas.” – John Davis , editor of Earth First! – John Davis, editor da Earth First! Journal Jornal

“A extinção da espécie humana não só pode ser inevitável, mas uma coisa boa.” – Christopher Manes , Earth First! – Christopher Manes, Earth First!

“A gravidez deve ser um crime punível contra a sociedade, salvo se os pais obtiverem uma licença do governo. Todos os potenciais pais devem ser obrigados a usar produtos químicos anticoncepcionais, o governo deve usar antídotos para os cidadãos escolham quando engravidar.” – David Brower , first Executive Director of the Sierra Club – David Brower, primeiro diretor executivo do Sierra Club

Google Translate(29 November 2009)

http://translate.google.com/translate?hl=en&langpair=en|pt&u=http://www.informationliberation.com/?id=27941

http://snipurl.com/th0ry


1 Comentário

Organização Mundial de Saúde planeou “O Medo Global da Gripe Suína” – suspeitas de corrupção

Novye Izvestija Novye Izvestija
November 26, 2009 26 de novembro de 2009

Translated from Russian by Infowars Ireland Traduzido do russo por Infowars Irlanda

A pandemia de gripe suína que Novye Izvestija tem escrito sobre esre assunto, pode ser o embuste mais ambicioso e de corrupção do nosso tempo. Em qualquer caso, o aspecto comercial do enorme susto “gripe suína” é já evidente.

A mesma conclusão foi feita por jornalistas dinamarqueses que habilmente examinaram as relações entre a Organização Mundial da Saúde (OMS) e empresas farmaceuticas de todos o mundo, ganharam fortunas com a venda de drogas para combater a doença. Acontece, por exemplo, que muitos cientistas que se sentam em vários comitês da OMS, cuidadosamente ocultando o fato de que recebem dinheiro das empresas multinacionais farmacêuticas do mundo.

De acordo com o banco de investimento internacional da JP Morgan, a indústria farmacêutica vai fazer mais de 7 bilhões de euros este ano com a venda de vacinas contra H1N1. Os principais países ocidentais têm encomendado doses suficientes para vacinar toda a população, quer a sua (como a Austrália), ou um terço (Alemanha e em vários outros Estados-membros da UE).Fábricas de vacinas e comprimidos estão trabalhando dia e noite, em quatro rotações por turnos, com uma carteira de encomendas … eles não estão enfrentando a crise econômica mundial como pode acontece com outros.

Pela primeira vez em muitos anos de pandemia de gripe “o pânico” tem afetado a UE. A vacina foi produzida sem um número suficiente de exames clínicos e exames laboratoriais.

É um tal pânico justificado?  um número crescente de especialistas está examinando a questão comparando as estatísticas de mortalidade do vírus da gripe suína e a “convencional”,que no Outono começam sua marcha por todo o planeta. Até agora, segundo a OMS, seis mil pessoas foram vítimas de H1N1, enquanto a taxa de mortalidade média anual durante as epidemias  ‘tradicionais’ de gripe atinge meio milhão.

A principal causa da reação histérica à epidemia da gripe suína, de acordo com os repórteres do jornal dinamarquês ‘Informação’, não é porque ele é tão perigoso, mas por causa de uma forte campanha de relações públicas por especialistas da OMS.  Alguns deles [especialistas da OMS], estão, literalmente, ao serviço dos fabricantes de vacinas.

“É preocupante que muitos dos cientistas que se sentam em vários comitês da OMS, são apresentados como” peritos independentes, mas escondem o fato de que recebem dinheiro das empresas farmacêuticas “, confessou o professor de epidemiologia, Tom Jefferson, que trabalha na do Centro Cochrane, em Roma, a repórteres.

A OMS anunciou a pandemia da gripe suína sob pressão de um painel de conselheiros, liderado por um médico holandês, Albert Ostenhaus, apelidado de “Dr. Flu’ (do nome ‘Tamiflu’), porque ele era activo na promoção da vacinação em massa da população através da OMS e dos média ocidentais.  Agora, o governo da Holanda está a realizar um inquérito de emergência às actividades do “Doutor Flu”, tal se tornou conhecido que ele recebe um salário de várias companhias de fabricação de vacinas. Muitos outros conselheiros que se sentam nas duas cadeiras ‘(conflito de interesses) como Ostenhaus, e ao mesmo tempo a lidar com a pandemia da gripe suína, em nome da OMS, eles não gostam de anunciar que são pagos como assessores das gigantes farmacêuticas Roche, Johnson RW, SmithKline Beecham e Glaxo Wellcome, que receberam a maior parte das encomendas para a fabricação de vacinas. O resultado da pressão desses especialistas foi a resolução da OMS em 7 de julho deste ano, que apelou para uma campanha inédita de vacinação em massa.

“A OMS é tendenciosa em suas recomendações – diz o professor Tom Jefferson. – Medidas de higiene normal proporcionam efeitos muito maiores do que estas vacinas pouco estudadas, e ao mesmo tempo, a OMS refere-se ao uso de máscaras e lavar as mãos como um meio para combater a gripe suína apenas duas vezes em seus documentos.  Vacinas e outros medicamentos são referidas 42 vezes! “Dr. Jefferson e vários de seus colegas acreditam que os assessores pagos pelas empresas farmacêuticas devem ser removidos de suas posições e não autorizados a dar recomendações à OMS, mas a própria organização não tem pressa para realizar essa reforma.Porta-voz da OMS, Gregory Hertl, comentando o artigo na ‘Informação’ (jornal dinamarquês) disse que é impossível negar os serviços dos maiores especialistas do mundo pela simples razão de que eles têm um interesse financeiro na promoção de uma estratégia para combater diversas doenças.

Refira-se que este não é o primeiro ano em que o tema da corrupção “em farmacologia tem sido o foco dos média ocidentais. The New England Journal of Medicine publicou “o denunciante” há vários anos. Em uma série de artigos do denunciante revelou a vida dentro da “máfia de branco”. Segundo eles, apenas 11-14% dos orçamentos das empresas farmacêuticas são gastos em pesquisa, mas 36% dos fundos são gastos no PR. Grande parte do dinheiro acaba nos bolsos dos médicos, cientistas, e as contas de várias organizações que trabalham em cuidados de saúde.


Deixe o seu comentário

Um outro cientista proeminente chama “criminosos” a cientistas da CRU

Documentos que sairam provam a existência de planos para pedir financiamento a “agências de energia “

Steve Watson Steve Watson
Infowars.net [1] Infowars.net [1]
Wednesday, Nov 25, 2009 Quarta-feira, novembro 25, 2009

Um cientista proeminente pediu que os processos criminais sejam movidos contra os cientistas da ONU filiados e envolvidos no que foi denominado “ClimateGate”.
Geólogo australiano e um oponente de longa data da teoria do aquecimento global antropogénico, Ian Plimer, condenou o que ele descreve como “alarmismo apoiado por fraude”.

“Esse comportamento é o de criminosos e todos os dados do Hadley Centre e do GISS E.U. agora devem ser rejeitados.  Esses criminosos cometeram esses crimes à custa dos contribuintes britânicos e E.U. “. Plimer escreve num pequeno artigo [2].

“Os mesmos bandidos  controlam do IPCC e os dados fraudulentos nos relatórios do IPCC. ” Plimer . Os mesmos  bandidos reunir-se-ão  em Copenhaga, na próxima semana e querem 0,7% do PIB do mundo ocidental a ser dado a um governo não  eleito da ONU e, em seguida, para explorar o mundo em desenvolvimento “. Plimer continua.

Ele ressalta que os e-mails íntimos mostram  que os dados foram manipulados para cobrir o período de aquecimento medieval, e continuar o arrefecimento global, além de dados artificialmente inflacionados para enfatizar o aquecimento durante o século 20.
Plimer, autor do best-seller sobre o debate do aquecimento global, o Céu e a Terra – Aquecimento Global: A Ciência em falta, tem sido um crítico do que ele descreve como o movimento sequestrador ambiental.

Plimer declarou muitas vezes que ele  sente que vastas áreas da comunidade científica têm optado por manipular dados em troca de milhões para a continuação   financiamento da pesquisa .

Os e-mails vazaram do centro Hadley revelam que CRU chefe PD Jones recebeu 55 doações desde 1990 [5] das agências que vão desde o E.U. Departamento de Energia para a NATO, no valor total de £ 13.718.547, ou aproximadamente US $ 22,6 milhões.

Outro documento intitulado (potencial funding.doc [6]), enumera as fontes de financiamento potenciais e mostra que os cientistas consideraram urgentes agências de “energia” que tratam especificamente em novas tecnologias para reduzir as emissões de carbono.

Renewables North West, uma companhia americana que promovem a expansão da energia solar, eólica e geotérmica, está listado como um benfeitor quarta potencial.

Naturalmente, todos estes potenciais apoiadores financeiros têm interesse em manter a concepção de que o homem provocou o  aquecimento global,e que é uma realidade apoiada pela ciência.

Teóricos do aquecimento antropogênico global há muito tempo que atacam os cientistas cépticos, afirmando que eles são comprados e pagos por companhias de petróleo, no entanto, aqui temos o mais influente grupo de cientistas do clima que  reconhecem ser um grupo de cientistas prontos para para receber financiamento de empresas de energia com interesses escusos.
Ian Plimer junta-sea  outra figura de destaque no debate, Senhor Christopher Monckton [7], que pediu uma investigação completa e processos criminais no início desta semana.

Fonte:

Article printed from Alex Jones’ Prison Planet.com: http://www.prisonplanet.com Artigo impresso de Prison Alex Jones ‘Planet.com: http://www.prisonplanet.com

URL to article: http://www.prisonplanet.com/another-prominent-scientist-calls-cru-scientists-criminals.html URL do artigo: http://www.prisonplanet.com/another-prominent-scientist-calls-cru-scientists-criminals.html

URLs in this post: URLs in this post:

[1] Infowars.net: http://www.infowars.net/index.html [1] Infowars.net: http://www.infowars.net/index.html

[2] Plimer writes in a commentary piece: http://pajamasmedia.com/blog/climategate-alarmism-is-underpinned-by-fraud-pjm-exclusive/2/ [2] Plimer escreve em um pedaço comentário: http://pajamasmedia.com/blog/climategate-alarmism-is-underpinned-by-fraud-pjm-exclusive/2/

[3] : http://prisonplanet.tv/signup.html [3]: http://prisonplanet.tv/signup.html

[4] Image: http://infowars-shop.stores.yahoo.net/faofreprofba.html [4] Image: http://infowars-shop.stores.yahoo.net/faofreprofba.html

[5] received 55 endowments since 1990: http://spreadsheets.google.com/ccc?key=0Ah4XLQCleuUYdFIxMnhMNnlXb2JQcDZUendjUXpWWUE&hl=en [5] recebeu 55 doações desde 1990: http://spreadsheets.google.com/ccc?key=0Ah4XLQCleuUYdFIxMnhMNnlXb2JQcDZUendjUXpWWUE&hl=en

[6] potential-funding.doc: http://ukginger.net/FOI2009/FOIA/documents/potential-funding.doc [6] potencial funding.doc: http://ukginger.net/FOI2009/FOIA/documents/potential-funding.doc

[7] Lord Christopher Monckton: http://pajamasmedia.com/blog/viscount-monckton-on-global-warminggate-they-are-criminals-pjm-exclusive/ [7] Lord Christopher Monckton: http://pajamasmedia.com/blog/viscount-monckton-on-global-warminggate-they-are-criminals-pjm-exclusive/


Deixe o seu comentário

A grande farsa do Aquecimento Global 1- 4

O Canal 4 britânico produziu um documentário devastador intitulado “A Grande Fraude do Aquecimento Global”. Ele não foi, ao que parece, exibido por nenhuma das redes de televisão nos EUA. Mas, felizmente, ele está disponível na Internet.


Deixe o seu comentário

A história surpreendente atrás do embuste do aquecimento global


Um texto publicado em Janeiro de 2009 no site OSMOOTHIE alertava para a manipulação climatérica, para o embuste do CO2 como principal poluente da atmosfera e causado do efeito de estufa:
Publicado janeiro em 29, 2009

KUSI, “a história surpreendente atrás do embuste do aquecimento global
por John Coleman

Todos os actores importantes estão agora no lugar em Washington e nos governos estatais através de América para etiquetar oficialmente o dióxido de carbono como um poluente e para decretar as leis que nos taxam cidadãos para nossas pegadas do carbono. Somente dois detalhes estão na maneira, nos tempos económicos esmorecidos e em uma volta dramática para um clima mais frio. Os últimos dois Invernos amargos têm conduzir a uma ascensão na consciência pública que o CO2 não é um poluente e não é um gás de estufa significativo que esteja provocando o aquecimento global do fugitivo.

Como nós chegamos a este ponto onde a ciência má está conduzindo o governo ?

A história começa com um Oceanographer nomeado Roger Revelle. Seriu com a marinha na segunda guerra mundial. Depois que a guerra ele assentou bem no director do instituto Oceanographic de Scripps em La Jolla em San Diego, Califórnia. Revelle viu a oportunidade de obter o financiamento principal da marinha para fazer medidas e pesquisa sobre o oceano em torno dos Atolls pacíficos onde as forças armadas dos E.U. conduziam testes da bomba atómica. Expandiu extremamente as áreas do instituto de interesse e entre outro empregou Hans Suess, um químico notável da Universidade de Chicago, que estava muito interessada nos traços de carbono no ambiente do burning de combustíveis fósseis. Revelle etiquetou sobre aos estudos de Suess e co-autorizou um estudo em 1957. O papel levanta a possibilidade que o dióxido de carbono pôde criar um efeito de estufa e causar o aquecimento atmosférico. Parece ser um argumento para financiar para mais estudos. Financiar, sincera, é onde a mente de Revelle estava na maioria das vezes.

Revelle seguinte empregou um Geochemist nomeado David Keeling para planear uma maneira de medir o índice atmosférico do dióxido de carbono. Em Keeling 1960 publicado seu primeiro papel que mostra o aumento no dióxido de carbono na atmosfera e que liga o aumento à queima de combustíveis fósseis.

Estes dois artigos de investigação transformaram-se a terra firme da ciência do aquecimento global, mesmo que não oferecessem nenhuma prova que o dióxido de carbono era de facto um gás de estufa. Além não explicaram como este gás de traço, simplesmente uma fração minúscula da atmosfera, poderia ter todo o impacto significativo em temperaturas.

Deixe-me agora tomá-lo de volta aos anos 50 em que isto estava indo sobre. Nossas cidades entrapped em um nuvem da poluição motor a combustão interna crus que carros pstos e caminhões para trás então e das emissões descontroladas das centrais energéticas e das fábricas. Os carros e as fábricas e as centrais energéticas enchiam o ar com todas as sortes dos poluentes. Havia um válido e a preocupação séria sobre as consequências da saúde desta poluição e de um movimento ambiental forte estava tornando-se para exigir a ação. O governo aceitou este desafio e os padrões ambientais novos foram ajustados. Os cientistas e os coordenadores vieram ao salvamento. Os novos combustíveis reformulados  foram desenvolvidos para carros, como eram os motores altas tecnologia, controlados por computador novos e os conversores catalíticos. Em o meio dos anos 70 os carros eram já não poluidores do máximo, emitindo-se somente alguns dióxido de carbono e vapor de água de suas tubulações de cauda. Do mesmo modo, o processamento novo do combustível e os purificadores da pilha de fumo foram adicionados a industrial e as centrais energéticas e suas emissões foram reduzidas extremamente, também.

Mas um movimento ambiental tinha sido estabelecido e seu financiamento e muito existência dependeu de ter uma edição de continuação da crise. Assim os artigos de investigação de Scripps vieram apenas no momento direito. E, com eles veio o nascimento de uma edição; aquecimento global sintético do dióxido de carbono da queima de combustíveis fósseis.

Revelle e Keeling usaram esta alarmismo nova para manter seu crescimento do financiamento. Outros investigadores com motivações ambientais e uma fome para o financiamento viram este tornar-se e escalaram-no a bordo também. As concessões de pesquisa começaram a fluir e a hipótese alarmista começou a aparecer em toda parte.

A curva de Keeling mostrou uma ascensão constante no CO2 na atmosfera durante o período desde que o óleo e o carvão foram descobertos e usados pelo homem. Até à data de hoje, o dióxido de carbono aumentou de 215 a 385 porções por milhão. Mas, apesar dos aumentos, é ainda somente um gás de traço na atmosfera. Quando o aumento for real, a percentagem da atmosfera que é CO2 permanece minúscula, aproximadamente .41 centésimo de um por cento.

Diverso a hipótese emergiu nos anos 70 e no 80s sobre como este componente atmosférico minúsculo do CO2 pôde causar um aquecimento significativo. Mas permaneceram não demonstrados. Os anos passaram e os cientistas mantiveram-se alcangar para fora para a evidência do aquecimento e da prova de suas teorias. E, o dinheiro e as reivindicações ambientais manteve-se na acumulação.

Para trás nos anos 60, esta pesquisa do aquecimento global veio à atenção de um Maurício nomeado de nação unida carregada burocrata canadense forte. Procurava edições que poderia se usar para cumprir seu sonho do governo do um-mundo. Forte organizou um evento do dia de terra do mundo em Estocolmo, Sweden em 1970. Disto desenvolveu um comité dos cientistas, dos ecólogos e de eficiente políticos do UN para continuar uma série de reunião.

Forte desenvolveu o conceito que o UN poderia exigir pagamentos das nações avançadas para o dano climático de seu burning de combustíveis fósseis beneficiar as nações subdesenvolvidas, uma sorte do imposto do CO2 que fosse o financiamento para seu governo do um-mundo. Mas, ele necessário mais prova científica suportar sua tese preliminar. Tão forte patrocinou o estabelecimento do painel intergovernamental de nação unida na mudança de clima. Esta não era uma organização científica do estudo puro do clima, como nós fomos conduzimos para acreditar. Era uma organização dos burocratas do UN do governo do um-mundo, dos activistas ambientais e dos cientistas da ecologia que imploraram o financiamento do UN assim que poderiam produzir a ciência eles necessários para parar a queima de combustíveis fósseis. Durante os últimos 25 anos foram muito eficazes. As centenas de papéis científicos, de quatro reuniões internacionais principais e de resmas de notícias sobre o Armageddon climático mais tarde, o UN IPCC fizeram seus pontos à satisfação da maioria e compartilharam mesmo de um prémio de paz de Nobel com Al Gore.

Ao mesmo tempo, esse Maurício Strong era ocupado no UN, coisas começ um bocado fora da mão para o homem que é chamado agora o avô do aquecimento global, Roger Revelle. Tinha sido muito polìtica active nos anos 50 atrasados porque trabalhou para mandar a Universidade do Califórnia encontrar um terreno de San Diego junto ao instituto de Scripps em La Jolla. Ganhou essa guerra principal, mas perdeu uma batalha da mais alta importância mais tarde quando foi passado sobre na selecção do primeiro chanceler do terreno novo.

Deixou Scripps finalmente em 1963 e transportou-se à Universidade de Harvard para estabelecer um centro para estudos de população. Era lá que Revelle inspirou um de seus estudantes assentar bem em um activista principal do aquecimento global. Este estudante diria mais tarde, “ele feltro como tal privilégio poder ouvir-se sobre os readouts de algumas daquelas medidas em um grupo de não mais do que os undergraduates uma dúzia. Estava aqui este professor que apresenta a algo não os anos velhos mas frescos fora do laboratório, com implicações profundas para nosso futuro!” O estudante descreveu-o como “um professor maravilhoso, visionário” quem fosse “um dos primeiros povos na comunidade académico para soar o alarme no aquecimento global,” esse estudante era Al Gore.

gore_firegloablawarminghoax1

Pensou do Dr. Revelle como seu mentor e referiu-lhe frequentemente, retransmitindo suas experiências como um estudante em sua terra do livro no contrapeso, publicou em 1992.

Então, Roger Revelle era certamente o avô do aquecimento global. Seu trabalho tinha colocado a fundação para o UN IPCC, desde que a munição do combustível do anti-fóssil ao movimento ambiental e a Al Gore emitido em sua estrada a seus livros, sua movimento, seu prémio de paz de Nobel e uns cem milhão dólares do negócio de créditos do carbono.

O que aconteceu em seguida é surpreendente. A agitação do aquecimento global estava transformando-se a celebridade da causa dos meios. Depois que todos os meios são na maior parte liberais, ama Al Gore, amores advertir que nós de desastres iminentes e para nos dizer “o céu estão caindo, o céu estão caindo”. Os políticos e o ecólogo amaram-no, demasiado.

Mas a maré estava girando com o Roger Revelle. Foi forçado para fora em Harvard em 65 e retornou a Califórnia e semi a uma posição da aposentadoria no UCSD. Lá teve o tempo para repensar o dióxido de carbono e o efeito de estufa. O homem que tinha inspirado Al Gore e tinha dado ao UN a investigação básica ele necessário para lanç seu painel intergovernamental na mudança de clima tinha dúvidas. Em 1988 escreveu duas letras preventivas aos membros de congresso. Escreveu, “minha própria opinião pessoal é que nós devemos esperar outros 10 ou 20 anos a ser convencidos realmente que o efeito de estufa está indo ser importante para seres humanos, em maneiras positivas e negativas.” Adicionou, “… nós devemos ser cuidadosos não despertar demasiado alarme até a taxa e uma quantidade de aquecimento torna-se mais desobstruída.”

E em 1991 Revelle aliou-se com Chauncey Starr, fundando o directivo do instituto de investigação da energia eléctrica e do cantor de Fred, o primeiro diretor do serviço satélite de tempo dos E.U., para escrever um artigo para o compartimento do cosmos. Incitaram mais pesquisa e imploraram cientistas e governos não mover demasiado rápido para emissões de CO2 da estufa do freio porque era de modo nenhum certo que o impacto verdadeiro do dióxido de carbono e limitar o uso de combustíveis fósseis poderia ter um impacto negativo enorme na economia e os trabalhos e nosso standard de vida. Eu discuti esta colaboração com o Dr. Cantor. Assegura-me que era consideravelmente mais certo que Revelle do que era naquele tempo que o dióxido de carbono não era um problema.

Roger Revelle atendeu à enclave do verão no bosque boémio em Califórnia do norte no verão de 1990 ao trabalhar nesse artigo? Entregou um discurso da beira do lago lá aos motores e aos abanadores montados de Washington e de Wall Street em que se desculpou emitindo o UN IPCC e Al Gore neste ganso selvagem – persiga sobre o aquecimento global? Disse que a conjectura científica chave de sua vida tinha despejado erradamente? A resposta 2 aquelas perguntas é, “eu penso assim, mas eu não a sei  certo”. Eu não consegui confirmar até à data deste momento. É um pequeno como Las Vegas; o que é dito nas estadas boémias do bosque no bosque boémio. Não há nenhum transcrito ou as gravações e os povos que atendem são incentivados não falar. Contudo, o tópico é tão importante, que alguns povos compartilharam comigo em uma base informal.

Roger Revelle morreu de um ataque cardiaco três meses depois que a história do cosmos foi imprimida. Oh, como eu o desejo estavam ainda vivo hoje. Pôde poder parar este disparate científico e terminar o embuste do aquecimento global.

Al Gore não admitiu a culpa do Mea de Roger Revelle como as acções do homem idoso senil. E, o próximo ano, ao funcionar para o vice-presidente, disse que a ciência atrás do aquecimento global está estabelecida e não haverá não mais debate, de 1992 até que hoje, e suas cortes recusem debater o aquecimento global e em que nos pergunte aproximadamente cépticos insultam-nos simplesmente e chamam-nos nomes.

Tão hoje nós temos a aceitação do dióxido de carbono como o culpado do aquecimento global. Conclui-se que quando nós queimamos combustíveis fósseis nós estamos deixando uma pegada inexorável do carbono que nós devamos pagar a Al Gore ou aos ecólogos para deslocar. Nossos governos em todos os níveis estão considerando taxar o uso de combustíveis fósseis. A Agência de Protecção Ambiental federal está na orla de nomear o CO2 como um poluente e estritamente de regular seu uso proteger nosso clima. O presidente novo e o congresso dos E.U. são a bordo. Muitos governos estatais estão movendo sobre o mesmo curso.

Nós já estamos sofrendo deste disparate do CO2 de várias maneiras. Nossa política energética hobbled estritamente por nenhuma perfuração e por nenhumas refinarias novas por décadas. Nós pagamos pela falta que esta criou cada vez que nós compramos o gás. Sobre isso que o tudo isto sobre o milho baseou o álcool etílico custa-nos milhões dos dinheiros provenientes dos impostos nos subsídios. Isso igualmente conduziu acima dos preços dos alimentos. E, toda a esta é longe de sobre.

E, eu sou convencido totalmente que não há nenhuma base científica para algum dela.

Aquecimento global. É o embuste. É ciência má. É um levantamento com macaco elevado da política de interesse público. Não é nenhum gracejo. É o grande embuste na história.

John Coleman é o fundador da canaleta de tempo e é um apresentador do tempo para o KUSI em San Diego, CA.

Neste momento, este artigo continua a ter importência pelo facto de ter rebentado o caso “Climategate”. Mais um vídeo acerca do assunto:



Deixe o seu comentário

Global Warming On Trial: Inhofe Solicita uma investigação ao IPCC da ONU

Em resposta à revelações surpreendentes decorrentes dos e-mails hacked CRU, o senador Jim Inhofe afirmou que a menos que algo seja feito nos próximos sete dias, ele vai levar o pedido de uma investigação rigorosa em evidências de que os conceituados cientistas do clima conspiraram para manipular dados para ocultar provas de resfriamento global, enquanto exercíciam a caça às bruxas  a académicos para eliminar os cientistas cépticos de  mudança climática feita pelo homem.

Falando no programa  “Américas Morning Show” hoje cedo, Inhofe,  Membro do Senado do Meio Ambiente e Comissão das Obras Públicas , disse que as novas revelações provam o que ele tem advertido há sobre mais de quatro anos, que os políticos orientaram o preconceito dos cientistas do clima filiadas com a ONU IPCC,  fraudulentamente “cozinharam a ciência” para estar conforme com sua agenda.

“Se nada acontecer nos próximos sete dias, quando voltamos para a sessão de hoje a uma semana que iria mudar essa situação, vou pedir uma investigação”, disse Inhofe. “Cause this thing is serious, you think about the literally millions of dollars that have been thrown away on some of this stuff that they came out with.” “Porque este assunto é sério, você pensa  literalmente acerca dos milhões de dólares que foram gastos em algumas dessas matérias que saíram.”

Ouça a entrevista com Inhofe


Deixe o seu comentário

A Queda da República (Fall of the Rep*blic) 5 a 8


Deixe o seu comentário

UK plano do governo para criar leis”Pirate Finder Geral”, com poder de nomear milícias

Divulgação


Uma fonte próxima ao Governo trabalhista britânico acaba de dar-me informações confiáveis sobre a proposta mais radical de autor que eu já vi.

Secretário de Estado Peter Mandelson está a planear introduzir alterações à Economia Digital Bill hoje em debate no Parlamento.  Estas mudanças vão dar ao Secretário de Estado (Mandelson – ou o seu sucessor no próximo governo) o poder de fazer “direito derivado” (legislação que é aprovada sem debate) para alterar as disposições do Copyright, Designs and Patents Act (1988) .

O que isto significa é que um funcionário não eleito teria o poder de fazer nada, sem debate parlamentar de supervisão ou, desde que foi feito em nome da proteção de direitos autorais. : Mandelson elabora sobre isso, dando três razões para que a sua proposta:

1. 1.  O Secretário de Estado iria tirar o poder de criar soluções novas para as infracções em linha (por exemplo, ele poderia criar penas de prisão para compartilhamento de arquivos, ou criar um “três strikes” O plano que os custos de famílias inteiras do seu acesso de Internet, se qualquer membro acusado de infracção)

2. 2. O Secretário de Estado iria tirar o poder de criar procedimentos para “conferir” direitos para efeitos de protecção dos titulares de direitos de violação online.  (por exemplo, gravadoras e estúdios de cinema pode ser dado poderes de investigação e de aplicação que lhes permitem compelir ISPs, bibliotecas, empresas e escolas para dar informações pessoais sobre usuários de Internet, e para ordenar as empresas de desconectar os usuários, remover sites, bloqueio URLs, etc)

3. 3.  O Secretário de Estado receberia o poder de “impor tais direitos, poderes ou funções a qualquer pessoa que pode ser especificado em conexão com facilitando violação on-line” (por exemplo, os ISPs podem ser forçado a espionar seus usuários, ou de ter advogados de direitos autorais analisar cada parte do conteúdo gerado pelo usuário antes que ele vai viver, também, direitos de autor “milícias” pode ser formada com o poder de polícia de direitos autorais na web)

Mandelson também vigiar sites como o YouSendIt e outros serviços que permitem a fácil transferência de arquivos grandes e para trás privada (eu uso YouSendIt para enviar podcasts para trás e para o meu editor de som durante a produção).  Como a Viacom, ele está esperando para forçá-los a desligar qualquer recurso que permite que os usuários para manter seus uploads privado, já que bandeiras de privacidade pode ser usado para manter violar arquivos fora da vista de aplicação da lei de direitos autorais.

É uma declaração de guerra por parte da indústria de entretenimento e seus reguladores capturados contra os princípios da liberdade de expressão, privacidade, liberdade de reunião, a presunção de inocência, e da concorrência.

Esta proposta cria o cargo de Pirate-Finder Geral, com poderes ilimitados para nomear as milícias que estão acima da lei, que pode intrometer-se em cada canto de sua vida, que pode desconectar-se da sua família, trabalho, educação e governo, que pode multar você ou colocá-lo na cadeia.

Mais a seguir, tenho certeza, uma vez Open Rights Group e outras organizações ativistas começar a trabalhar nisso. Entretanto, a dizer a cada britânico que você conhece. Se não podemos parar isso, é início do fim para a rede na Grã-Bretanha.


Deixe o seu comentário

The European BioWar outbreak, by Dr Rebecca Carley

A Tale of Two Stories: The European BioWar outbreak and the censoring of it by the mainstream news media.

by Dr Rebecca Carley

The biggest story on the Planet today is the outbreak of a veryserious Advanced Biological War virus in Europe.

The second biggest story on the Planet is the suppression of this story for almost two weeks by the corporate owned mainstream news media.

There is a lot we know and a lot that we can only speculate on about what is unfolding in Central Europe. We know that in mid-October, less than a month ago, there was a growing number of cases of what many thought was Swine Flu (A/H1N1) in the western part of the Ukraine. We know that many hundreds if not thousands of people in western Ukraine witnessed low flying light airplanes aerosol spraying something over

Ukrainian cities during the days of October 29, 2009 and October 31, 2009.

We know that beginning the night of October 29th, massivenumbers of people begin to get very sick. We know that the Ukraine government issued a statement denying that it was doing any aerial spraying to combat the growing disease or authorizing any spraying

over Ukrainian cities. We know that by October 30th, the Ukrainian authorities closed all schools for three weeks and banded public gatherings.

We do NOT know what disease the people were/are coming down with. We do know that doctors are describing the disease as Pneumonic Plague, or as some type of hemorrhagic fever, or as hemorrhagic influenza, or as hemorrhagic pneumonia. We know that the illness, whatever it is, does not appear to be A/H1N1. We do not know if the disease is a

recombination of A/H1N1 with other viruses or some totally different virus or if it is in fact a virus. We know that the World Health Organization (WHO) has had several days to sequence the genes of the disease but has failed to release this data.

We know that WHO has NOT called for the quarantining of the Ukraine or the shutdown of all global travel to/from the area of infection and that this is the same thing that they did when Mexican Swine Flu (A/H1N1) first broke out and that the failure to contain that virus early on ensured its spread throughout the world.

We know that the internal temperature of the lungs of those with a terminal case of what many are calling ‘Ukrainian Plague’ is often from 130F to 135F. We do know that autopsies show that the lungs are filled with blood, and are black in color, and that the lung tissue has turned to mush. We know that patients who first show any signs of illness usually crash in less than 48 hours, sometimes the same day.

We know that the disease was spreading by about 200,000 per day but that this has slowed to about 100,000 day now, in the Ukraine, as people take extraordinary steps to contain the spread of the disease.

We know that well over one and a third million people in the Ukraine are very ill with the disease (according to published official sources) and that over 60,000 are hospitalized in serious to critical condition. We know that the disease has a very high transmission rate with a likely low amount of viral (if it is in fact a virus) material needed to cause an infection. We know that the official reports of deaths are under 300 in the Ukraine. We also know that it is normal for hospital admissions of people with ARI (acute respiratory infection) to have a fatality rate of from 5% to 10%. We know that non-official sources were reporting over 3,000 deaths several days ago and that this number is more in tune with the 5-10% fatality rate than the official figures.

We do not know what effective treatments are for this illness. We do know that young adults seem to be more in danger of this illness. We suspect that ‘cytokine storming’ similar to that in the 1918 Spanish Flu, that killed approximately 50 million people, is taking place.

We know from official Ukrainian Health Ministry reports that the illness does not test out as Mexican Swine Flu (A/H1N1). We do not know if the existing Swine Flu vaccine has any effect, but based on the non-positive response to Swine Flu in testing, we suspect that the vaccine is ineffective as the viral protean shell is different than A/H1N1 (if in fact it is a virus that causes the illness).

We know that the illness has spread to Poland, where over one quarter of a million people are now very ill. We know that it has spread to Belarus and to Hungary and elsewhere in central Europe. We know that 900,000 people are said to have Swine Flu in Norway but we do not know if this is related to Ukraine Plague in any way.

We know that on November 8th a South African site (fto.co.za ) carried the following:

/”Suspicious aircraft were forced to land. A US operated (Russian-made long-range heavy transport) AN-124 changed its call sign from civilian to military which then triggered a respo nse from the IAF (Indian Air Force) upon entering Pakistani air space (forcing) the plane to land in Mumbai while (a) second one was forced down by Nigerian fighter jets that also arrested the crew.”

“According to reports, China’s People’s Liberation Army Air Force contacted the Indian and Nigerian intelligence officials about the presence of these US operated Ukrainian aircraft amidst growing concern that the United States was spreading ‘biological agents’ in the Earth’s atmosphere, which some Chinese officials believed to be an attempt to (commit) mass genocide via the spread of H1N1 swine flu.”

These aircraft “were carrying ‘waste disposal’ systems that could spray up to 45,000kg (nearly 100,000 pounds) of aerial type mist from sophisticated….nano pipes” in the planes’ wings – called chemtrails./

We know that Baxter International Pharmaceuticals sent 72 kilos of human influenza H3N2 vaccine materials to 16 labs in European nations which contained live H5N1 Bird Flu viruses. We know that this was only discovered when a Czech lab tested the material on several ferrets (ferrets have a similar respiratory system to humans) and all of the ferrets died in short order. We know that Baxter claimed that this was human error. We also know that such a ‘human error’ is basically impossible with the containment protocols in place at Baxter and any other modern biolabs using Biosafety Level 3 (BLS-3) lab technology.

We know that in mid-August a Joseph Moshe, who is a Mossad biological warfare expert, called in to Dr. A. True Ott’s national radio talk show and reported that Baxter was getting ready to release a deadly plague from its Ukrainian lab and that he was shortly meeting with US Attorneys in Los Angles to give evidence about this. We know that shortly thereafter Moshe was apprehended by Federal agents and LA police and taken to the Israeli Consulate. We know that he was quickly flown to Israel and that no further word has come from him.

We know that over the last three or so years a large number of biological experts, from a number of places all over the world, have died strange deaths and that this has been commented on by various publications in the past.

We know that the sudden appearance of Mexican Swine Flu (A/H1N1) virtually had to have been a release from a biological warfare lab. We know that A/H1N1 has gene sequences from three different types (American, Asian, and African) of Swine Flu, of Bird Flu, of two different types of human seasonal flu, and of Spanish Flu and that such a recombination is so unlikely in nature as to be virtually impossible. We know that the WHO policies of not requiring a major quarantine of Mexico ensured that A/H1N1 would spread throughout the world.

We know that the current Swine Flu “Vaccine” is almost totally untested, and that the manufactures are protected from lawsuits for even deliberate acts that result in deaths and that nations acquiring the vaccines are required to sign contracts agreeing not to release negative information on the “vaccine” to the public. We know that published additives to the “vaccine” include highly dangerous-to-human-health substances.

We know that the corporate owned mainstream news media (with strong links to global banking families) have censored this story in a way that has never happen before. We know that the outbreak of a unknown but deadly and very rapidly spreading disease in Europe is the largest story on Earth but that it is NOT being reported on.

http://europebusines.blogspot.com/

Also found at http://mignews.com.ua/en/articles/378759.html is the

following:

// 13.11.2009 // 14:24 //

Doctors learned why Ukrainians dying! (updated at 06:25 pm)

MIGnews.com.ua

All victims of the virus in Bukovyna (22 people at the age of 20-40) died not from bilateral pneumonia, as was previously thought, but as a result of viral distress syndrome, i.e the total destruction of the lungs.

At first the cardio-pulmonary insufficiency comes, and consequently cardiogenic shock is developed, which causes cardiac standstill and death, told the chief of bureau of the Chernivtsi regional forensic examination, doctor of science, Professor Viktor Bachynsky, UNIAN reports.

“During a bilateral pneumonia some morphological picture is observed. As of data of deaths, there is no such morphological picture. The virus, which causes death, is very aggressive, it does not strike the trachea, but immediately gets into the lungs and causes heavy swelling and solid hemorrhage. Mixed types of parainfluenza and influenza A/N1N1 lead to this state. This is a very toxic strain, which has not yet answered to the treatment of the Ministry of Health”, – said Viktor Bachinsky.

According to him, there is a need to change the treatment standards, because those which were used earlier, resulted in nothing – doctors failed to save all people infected with the virus in the reanimation.

The belt ventilators did not help also. For this reason a group of professors of Chernivtsi Medical University appealed to the Ministry of Health and National Security and Defense Council with a demand to review the standards of treatment of patients in Bukovyna. Scientists-morphologists sent to Kyiv reports, studies and analysis of critically ill patients and people who died of virus.

Viktor Bachinsky noted that the virus is extremely toxic, it is able to penetrate not only through respiratory apparatus but also through the eyes. Chernovtsy scientists recommend in any case use masks and even wear protective spectacles. An important condition to prevent deterioration of the situation is also the observance of quarantine regime.

06:19 p.m. Ministry of Health does not consider it is necessary to publish data on the number of confirmed cases of influenza pandemic in the laboratory. “Ukraine is in the A/N1N1 influenza pandemic, and now it does not matter how many of these cases will be detected, we should treat everybody equally,” – said Deputy Minister of Health Vasyl Lazoryshynets at a briefing on Friday.

Vasyl Lazoryshynets also reminded that in Ukraine since the beginning of the epidemic 1,25 mn people became ill with pandemic influenza, influenza and acute respiratory diseases, including 61,000 people -

over the past day, which is by 8,500 less than the previous day. 65,615 people are treated in hospital, including 392 – in the reanimation, 60 have artificial pulmonary ventilation.

Since the beginning of the epidemic in Ukraine 239 people died, including 26 people during the last day, most of them are in the Ivano-Frankivsk, Chernivtsi, Lviv and Ternopil Regions. He also said that according to the laboratory data, 14 people died of pandemic influenza, Interfax-Ukraine reports.

06:25 p.m. To date, swine flu in Ukraine is dominant, but not the only strain, said the head of mission of the World Health Organization in Ukraine Yukka Pukkila.

Yukka Pukkila said that the strain of pandemic virus is detected in 22 cases of 34 samples sent to the control laboratory, which collaborates with WHO in London.

At the same time, Yukka Pukkila stressed that, besides Californian flu in Ukraine there is a large number of varieties of acute respiratory viral diseases and many other viruses that infect the respiratory system, reports Liga.

The genocide is now on being fast tracked, as promised by the murderous cabal controlling the world:

see http://tcrnews2.com/Agenda21.html.

Thank to listeners Verne & Kenneth for this important info… Also if you missed my show yesterday with Elizabeth Wallace, grandmother of Christian (who was murdered by his pediatrician with 6 vacs when he was already sick), you can hear the archive, for free and

without commercials, at http://thelightofdayradioshow.com/archives/RBN-BACKUP/commercialFree.html

(scroll down to 11/14/09 show). VERY IMPORTANT…especially for anyone you know who still beLIEves that vaccines promote health.

Thank you to Sheldon for these archives…

Lastly, after many people have asked me why I did not have a paypal button on my site for people to make donations, I have put one up (to left of the “baby with a needles” picture), in case any of you want to support my work.


Remember, folks, WE can stop the genocide…do not be afraid! We are reaching critical mass, if we have not already done so…

Dr C


Deixe o seu comentário

A Queda da República (Fall of the Rep*blic) 3-4

obama_joker


Deixe o seu comentário

Depopulation theory and practice – video

Leuren Moret worked as a scientist at Lawrence Livermore Laboratories and has a BS in Geology at U.C. Davis and an MA in Near Eastern studies from U.C. Berkeley. She serves as environmental commissioner for the City of Berkeley.

Leuren was an Expert Witness at the International Criminal Tribunal For Afghanistan At Tokyo.  She is an independent scientist and international expert on radiation and public health issues and is on the organizing committee of the World Committee on Radiation Risk, an organization of independent radiation specialists, including members of the Radiation Committee in the EU parliament, the European Committee on Radiation Risk.

She has conducted research concerning the impact on the health of the environment and global public health from atmospheric testing, nuclear power plants, and depleted uranium.  She has helped collect and measure radiation in 6000 baby teeth from children living around nuclear power plants, and helped The State of Louisiana (USA) pass the first state depleted uranium bill for mandatory testing of soldiers.

In this rather chilling interview about population control, Leuren goes into many areas that highlight what has been going on.

Link to page with video

short videos:

 


Deixe o seu comentário

BAXTER ADMITS CONTAMINATING 72 KILO VACCINE WITH BIRD FLU ON MAIN STREAM TELEVISION

On TVN24 in Poland Baxter has admitted they contaminated 72 KG of vaccine material with the live bird flu virus.

As a result of handling this contaminated material in February, 36 people working for the labs Avir and BioTest had to be treated preventatively for the bird flu in hospitals in Austria and the Czech Republic, underlining that their health was threatened by the material in the opinion of medical experts.
Both Avir and BioTest have stated that the final purpose of the contaminated Baxter material was for use in regular seasonal flu vaccines, strongly suggesting the notion it would have been injected into people if it had not been detected by staff at BioTest.

The Times of India reported on March 6th that a global bird flu pandemic had nearly been triggerd by the Baxter material.

Because Baxter is obliged under EU rules to handle the bird flu virus using biosafety level 3 or 4 precautions in its ultra modern biomedical facilities in Austria, an accidental contamination can be virtually ruled out.  No evidence has been presented by Baxter to prove otherwise.

Biosafety level 3 regulations apply to any virus that can cause a serious disease in human beings.

The bird flu, a lab engineered virus, has a mortality rate of over 60%.

The gigantic amount of 72 kilos of vaccine material was contaminated in Orth an der Donau.

It is not clear why Baxter had the bird flu virus in its vaccine production facilities in Orth an der Donau in the first place.

WHO supplied the bird flu virus to Baxter. But for what purpose?

It is not clear how the live bird flu virus could have been sent out of the facilities without being radiated (to kill or weaken the virus) and mixed with normal flu material making it an even more potent potential bioweapon under a false label unless it was part of a deliberate plan.

In spite of the overwhelming evidence of a crime that posed a real and deadly danger to the Austrian people, the prosecutor at Korneuburg has dropped the case against Baxter.

As this extract from Wikipedia makes clear, the biosafety level 3 regulations make accidentally contaminating 72 kilos of vaccine material with the live bird flu virus about as easy as it would be to get 72 tonnes of gold out of the high security vault of the Austrian national bank.

“Biosafety level 3

This level is applicable to clinical, diagnostic, teaching, research, or production facilities in which work is done with indigenous or exotic agents which may cause serious or potentially lethal disease after inhalation.

….Laboratory personnel have specific training in handling pathogenic and potentially lethal agents, and are supervised by competent scientists who are experienced in working with these agents. This is considered a neutral or warm zone.

All procedures involving the manipulation of infectious materials are conducted within biological safety cabinets or other physical containment devices, or by personnel wearing appropriate personal protective clothing and equipment. The laboratory has special engineering and design features.

It is recognized, however, that some existing facilities may not have all the facility features recommended for Biosafety Level 3 (i.e., double-door access zone and sealed penetrations). In this circumstance, an acceptable level of safety for the conduct of routine procedures, (e.g., diagnostic procedures involving the propagation of an agent for identification, typing, susceptibility testing, etc.), may be achieved in a biosafety level 2 facility, providing

  1. the filtered exhaust air from the laboratory room is discharged to the outdoors,
  2. the ventilation to the laboratory is balanced to provide directional airflow into the room,
  3. access to the laboratory is restricted when work is in progress, and
  4. the recommended Standard Microbiological Practices, Special Practices, and Safety Equipment for Biosafety Level 3 are rigorously followed.”


Deixe o seu comentário

Orlando shooter, US army Fort Hood shooter both linked to psychiatric drugs

fort hood(NaturalNews) US Army Major Nidal Malik Hasan shot and killed 13 people and wounded 30 others in a violent attack at a Texas Army base this past week. He reportedly opened fire at the Fort Hood army base without any particular reason or motivation. In fact, as a psychiatrist, he had counseled many other soldiers on how to cope with the consequences of extreme violence (losing limbs, mental anguish, etc.).

As an army psychiatrist, he was also allowed to prescribe powerful psychiatric drugs to both his patients and himself. Many psychiatrists self-medicate, and Hasan was extremely anxious about the possibility of being sent overseas by the army, according to statements from family members (Reuters, below). Although official confirmation will probably never be made, it seems altogether likely that Hasan was treating himself with powerful psychotropic medications.

The mainstream media, not surprisingly, has utterly failed to raise this question. But it’s being raised by independent media like Prison Planet (http://www.prisonplanet.com/was-for…), where writer Paul Joseph Watson says, “Psychiatrists have a history of ‘self-medication’ because of the easy access they have to psychotropic drugs. In almost every major mass shooting over the past two decades, since anti-depressant drugs became popular, the killer has been on SSRI’s – serotonin reuptake inhibitors.”

An informative article in The Examiner also asks the same question: Was Major Hasan on mind-altering prescription medications when he opened fire? (http://www.examiner.com/x-8358-Detr…).

Meanwhile, a study in the journal Psychotherapy and Psychosomatics reveals that 16% of psychiatrists self-medicate (http://www.cchrint.org/2009/11/05/w…).

Given all the psych drugs linked to such acts in previous shootings, such a link seems not only probably, but likely.

Orlando shooter confirmed on psych drugs

It’s been a busy week for violent, drug-induced outbursts in the USA. Orlando shooter Jason Rodriguez is now confirmed to have been on psychiatric medications when he went on a shooting spree in an Orlando office building last week, killing one person and wounding five others.

In a televised interview with Fox News, the former mother-in-law of Rodriguez goes on the record saying, “He was under medication …for control of the brain.” That video segment is available here:

http://www.youtube.com/watch?v=a_LJ…

Mind-altering medications made Rodriquez “paranoid,” she explains. (http://www.foxnews.com/story/0,2933…)

This paranoia and acting out of violence against others is a classic side effect of SSRI drugs typically used to “treat” depression. These powerful, mind-altering medications have been linked to nearly every major shooting that has taken place in the United States over the last twenty years, including the Columbine, Colorado school shootings.